Sombra

30 de dez de 2009
Achasse que fosse o que era.
“Um intelectual de merda?”
Que seja o que era sem achar que era (ou que fosse).
“Um intelectual de merda?”
Independente do que era, que exteriorizasse.
“Exteriorizar a intelectualidade?”
A merda mesmo!

1 comentários:

Joanna disse...

Só não abandone o papel... o de escrever e o de se limpar!